Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Voltando a jogar, Professor não é mais treinador do INTZ

Voltando a jogar, Professor não é mais treinador do INTZ

Líder do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) 2015, o INTZ está há duas semanas sem treinador. O Support Matheus "Professor" Leirião, que vinha atuando como coach há cinco meses, pediu para sair da organização.

Ele foi contratado pelo INTZ após ter sido banido do cenário competitivo brasileiro por um ano pela Riot Games pela prática de elojob - quando um jogador aumenta o nível da conta de terceiros em troca de dinheiro, o que é proibido pelas regras do jogo.

professor-intz-divulgacao-intz
Professor não faz mais parte do INTZ desde meados de janeiro (Foto: Divulgação/INTZ)

Faltando dois meses para ser liberado da suspensão, Professor decidiu retomar a carreira de cyber-atleta e, por isso, deixou a função de técnico. Ele está montando uma equipe e disputou, no último fim de semana, o GO4LoL #118, torneio que faz parte do Circuito Desafiante da temporada brasileira de 2015. O time com o qual jogou, Team Enigma, perdeu nas Oitavas de Final da competição para o SLK Gaming.

Procurada pelo MyCNB, a direção do INTZ não havia respondido até a publicação da matéria, mas logo depois entrou em contato. "Agradecemos muito pelo trabalho e entrega do Professor no período em que esteve conosco. Ele é um excelente profissional e temos certeza que ele se dará muito bem em qualquer organização e atividade que se propor a fazer", afirmou o diretor de marketing da organização, Lucas Simon Almeida. Ele salientou que a equipe ainda está à procura de um novo profissional para ocupar o cargo de coach. 

INTZ

Luan “Jockster” Cardoso (Support)
Micael “micaO” Rodrigues (AD Carry)
Gabriel "Revolta" Henud (Jungler)
Gabriel “Tockers” Claumann (Mid Laner)
Felipe “Yang” Zhao (Solo Top)


Veja também:


Tags: League of legends, professor