Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Após campanha, KaBuM.TD disputará outro torneio no exterior

Após campanha, KaBuM.TD disputará outro torneio no exterior

Com o desejo de participar de um dos mais importantes campeonatos de Counter-Strike Global Offensive do ano, os jogadores da KaBuM.TD decidiram permanecer nos Estados Unidos após a disputa de dois campeonatos e iniciaram uma campanha de arrecadação de dinheiro para ir à Polônia, onde disputariam o classificatório para a ESL One Katowice. Com a ajuda da comunidade, inclusive internacional, a equipe conseguiu.

A equipe brasileira viajou para os Estados Unidos para participar de duas competições, a MLG X Games Winter, em Aspen, realizada de 23 a 25 de janeiro, e a ClutchCon, em Denver, uma semana depois.

kabum.td-foto-mlgDepois de dois campeonatos, KaBuM.TD iniciou campanha para disputar mais um (Foto: MLG)

Mesmo sem ter conquistado resultados expressivos, o time foi convidado a participar da etapa classificatória da ESL One Katowice, no próximo dia 13. Sem dinheiro, os cinco jogadores decidiram permanecer nos EUA e pediram ajuda à comunidade para angariar fundos para a viagem à Europa.

“Estamos sem grana para bancar a viagem à Polônia no momento. As pessoas souberam de nossa dificuldade e mais uma vez se mostraram solícitas a nos ajudar. Centenas de mensagens pedindo para saber como ajudar. Não tem palavras que descrevam isso! Nós temos um sonho e sei que não estamos sozinhos. Esse sonho é nosso. E eu fico perplexo de ver o quão longe podemos ir”, escreveu Gabriel “FalleN” Toledo, em uma rede social, após a decisão de permanecer em solo americano.

Os brasileiros fizeram streams diárias para arrecadar doações. No primeiro dia, a equipe recebeu quase R$ 5 mil. A meta final era R$ 25 mil. A campanha tomou enormes proporções, e pessoas do mundo inteiro se prontificaram a ajudar. O montante cresceu rápido. Dois dias de stream renderam quase R$ 11 mil na conta.

Nesse domingo (8), o valor arrecadado estava próximo da meta, mas ainda faltavam os últimos passos, que foram dados depois que o time recebeu duas doações importantes. A primeira foi do jogador do time de CS:GO do fnatic, Robin "flusha" Rönnquist, no valor de R$ 4 mil.

Em seguida, a ESEA, empresa especializada em competições de CS:GO, ajudou o time, não só com doação em dinheiro. Além de dar US$ 2.5 mil, a ESEA comprou as passagens dos jogadores, pois os brasileiros só poderiam sacar o dinheiro arrecadado do PagSeguro em duas semanas.

“Queríamos agradecer ao pessoal que ajudou nessa meta. Até algumas semanas atrás nem sabíamos se ia dar certo, corremos o risco de ficar aqui à toa. Estávamos contando com a comunidade e ela nos mostrou que podíamos contar. Os resultados da nossa iniciativa deram mais certo do que a gente imaginava e conseguimos comprar as passagens ontem”, agradeceu FalleN em um vídeo publicado no Facebook nesta segunda-feira (9).

fallen-kabum-hltvorgFalleN acreditou na comunidade e conseguiu alcançar o objetivo de ir à Polônia (Foto: HLTV.org)

Caso os brasileiros se classifiquem para a ESL One Katowice, enfrentarão as melhores equipes do mundo entre os dias 12 e 15 de março. 

Críticas

Durante a campanha de arrecadação, parte da comunidade chegou a criticar a KaBuM, dona da equipe, pela falta de apoio financeiro aos jogadores. Entretanto, o próprio FalleN tratou de dizer que a empresa que dá nome ao time estava cumprindo todos os acordos prometidos.

A KaBuM também se pronunciou nas redes sociais após a repercussão do caso.  “Durante a discussão para formatação do contrato de patrocínio, vários pontos e necessidades foram levantadas pelos jogadores e desenvolvemos em conjunto um modelo de patrocínio onde o KaBuM! coordenou o fornecimento de equipamentos de alta performance somados a um investimento financeiro mensal para a equipe - que gere estes recursos da maneira que julgar necessária. Além disso, é importante lembrar que recentemente o KaBuM! e-Sports fez um investimento adicional (sem contar o recurso financeiro mensalmente disponibilizado para a equipe) de R$ 18 mil para a participação do time em uma importante competição ocorrida na França no final de 2014”, defendeu-se a empresa. 


Veja também:


Tags: iem, csgo, esl one, kabum.td, iem katowice