Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Manager do MYM é banido pela Riot após ameaças a cyber-atleta

Manager do MYM é banido pela Riot após ameaças a cyber-atleta

O manager do Meet Your Makers, Sebastian “Falli” Rotterdam, foi banido indefinidamente da LCS por conta das ameaças que fez ao cyber-atleta Marcin “Kori” Wolski ao saber da saída dele da equipe de League of Legends da organização.

O caso veio à tona em reportagem do portal Daily Dot, que teve acesso ao áudio da conversa por telefone do jogador com o manager. Um dia antes do início da LCS Europe Spring 2015, Kori decidiu sair da line-up por não se sentir à vontade na gaming house. Na ligação, Falli disse que a substituição dele causaria prejuízo de US$ 50 mil por partida ao MYM e que poderia custar potenciais patrocinadores, além de resultar na demissão da equipe. Em tom ameaçador, Falli afirmou que faria de tudo para que a mãe dele, que assinou o contrato, perdesse a casa onde mora.

Diante das intimidações, Kori entrou em contato com gerente de operações da Riot Games, Nick Allen, por e-mail, dizendo que estava com medo da direção da organização. O executivo prometeu que a empresa iria investigar o ocorrido.

Nesta quinta-feira (12), a Riot se pronunciou oficialmente sobre o assunto. Primeiro, afirmou que Kori não está com salários atrasados no MYM e que o jogador só não recebeu os últimos pagamentos do SUPA HOT CREW porque ainda não entregou os documentos necessários. 

falli-manager-mym-divulgacao-mym
Depois de ameaçar jogador, Falli perdeu emprego e foi banido da LCS (Foto: Divulgação/MYM)

Sobre a atitude do manager, a Riot decidiu puni-lo com suspensão da LCS por tempo indeterminado. Ele já havia sido demitido da organização. A desenvolvedora ainda responsabilizou o Meet Your Makers "por não proteger membros de sua equipe do comportamento inadequado dele" e aplicou uma multa de 5 mil euros. 

Após as duas primeiras semanas da LCS, em que o MYM atuou com o reserva, o dinamarquês Marius “Blizer300” Haesumgaard, Kori decidiu voltar à equipe. Mostrando-se arrependido, o Mid Laner esclareceu que havia saído porque não estava se sentindo bem com o atmosfera do time.

"Nós agradecemos a força do sentimento da comunidade contra qualquer atitude que ameace ou coloque em risco equipes profissionais e seus jogadores", afirmou a Riot em comunicado. "Quando nós sentirmos que a falta de profissionalismo estiver colocando a segurança dos cyber-atletas em risco, nós podemos e vamos usar nossa influência para tentar garantir que a experiência na LCS seja positiva".


Veja também:


Tags: League of legends, lcs, kori, MeetYour Makers, Falli