Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Para melhorar performance, pro-players incorporam atividades físicas na rotina

Para melhorar performance, pro-players incorporam atividades físicas na rotina

Os jogadores profissionais de League of Legends não correm, pulam, chutam ou se movimentam muito durante as partidas no mundo virtual. Dentro do jogo, o esforço dos cyber-atletas é essencialmente mental, mas a preparação física tem sido cada vez mais valorizada.

Ficou para trás o conceito de que jogadores de videogame só passam horas em frente ao computador e não se preocupam com a saúde do corpo.

Os times do cenário brasileiro estão percebendo a importância de exercícios físicos e incluíram atividades esportivas no dia a dia dos jogadores. No CNB e-Sports Club, a prática de exercícios é obrigatória, fazendo parte da rotina de preparação, que conta ainda com atividades de ativação mental, disscussões táticas e treinamentos contra outras equipes.

Foi no fim do ano passado, quando reformulou a line-up, deixando de ter veteranos para apostar em novatos, que a direção do CNB decidiu introduzir os exercícios na rotina do time. "Hoje os meninos têm que fazer atividade física pela manhã, logo depois do café da manhã", conta o consultor em Psicologia da organização, Rafael Pereira. "Eles fazem academia, mas é preciso ter pelo menos 40 minutos de atividade aeróbica, podendo ser caminhada, corrida, esteira, bicicleta".

De acordo com Pereira, a atividade física tem uma série de benefícios para os cyber-atletas: estimula a criação de neurônios no cérebro, principalmente no hipocampo, região responsável por transformar memórias novas em memórias de longo prazo, o que influencia no aprendizado e no tempo de reação do pensamento; produz um "estresse positivo" no corpo, deixando-o mais saudável e pronto para novos estímulos; libera endorfina, o hormônio do "prazer", que ajuda a regular tensões negativas; e evita problemas provocados pela repetição excessiva de movimentos. Tudo para melhorar as performances.

cnb-na-academia-divulgacao-cnb-esports
Academia faz parte da rotina de treinamentos dos jogadores do CNB (Foto: Divulgação/CNB)

Segundo o treinador do paiN Gaming, Gabriel "MiT" Souza, as atividades físicas aeróbicas são as mais indicadas. "Elas melhoram o nivel de respiração, reduzem o risco de doenças e são excelentes para tratar problemas recorrentes de jogadores, como a ansiedade", afirma o coach, que fez cinco períodos de Educação Física e trabalhou por dois anos na área.

O Support do CNB, Willyan "WosWos" Bonpam, costuma correr de 10 a 20 minutos na esteira e cumpre o treino definido pelo treinador da academia. "Quando eu acordava e não ia para a academia (antes de entrar para o CNB), eu levantava sempre cansado e com preguiça. Agora todo dia eu vou para a academia e já volto disposto para tudo".

O capitão e Support do Keyd Stars, Caio "Loop" Almeida, lembra que a atividade física é um dos momentos que os cyber-atletas têm para saírem do espaço de trabalho e, assim, reduzirem o estresse do dia a dia. "Quando você está malhando ou correndo, a sua cabeça meio que esvazia", acredita o jogador. "Você não pensa no estresse do jogo e da vida pessoal, você está pensando em relaxar. É um momento do time e da pessoa, porque ficamos quase todo o tempo no ambiente de trabalho".

Os cyber-atletas do Keyd tiraram as últimas semanas para se adaptarem ao máximo às mudanças na line-up e, por isso, deixaram a academia um pouco de lado, mas pretendem voltar à prática de exerícios, como faziam na época dos sul-coreanos Kang "DayDream" Kyung-min e  Kim "Emperor" Jin-hyun.

No INTZ, a preparação do corpo já fazia parte da rotina dos jogadores, com alongamentos no início da manhã, antes dos treinamentos. Mas o time decidiu pegar mais pesado e apostar na academia como forma de colocar físico e mente na mesma sintonia. "Corpo e mente têm que estar 100% para podermos render ao máximo", afirma o AD Carry do INTZ, Micael "micaO" Rodrigues. "Nós às vezes acordávamos muito tarde e o treino não rendia. Então decidimos que é melhor acordar mais cedo e dar uma despertada".

intz-academia-divulgacao-intz
Jogadores do INTZ querem colocar mente e corpo na mesma sintonia (Foto: Divulgação/INTZ)

O Solo Top da KaBuM.Orange, Pedro "LEP" Marcari, concorda que os exercícios pela manhã têm influência direta no rendimento nos treinos. "Tem gente que eu sei, até no nosso time, que acorda cinco minutos antes do treino e joga com sono ainda. Não precisa necessariamente malhar, mas dar uma corrida, uma chacoalhada", afirma o cyber-atleta, que tem o costume de ir à academia, acompanhado do Support Pedro "ziriguidun" Ferreira, apesar de as atividades esportivas não fazerem parte da rotina da equipe.

Ele ressalta que pratica exercícios desde que entrou para KaBuM e tenta ao máximo cuidar do corpo, pois tem consciência dos prejuízos de ficar muitas horas em frente ao computador. "Temos que nos preocupar desde já, porque daqui a alguns anos isso pode começar a trazer alguns problemas".

Os exercícios não são unanimidade. Há aqueles que não possuem esse hábito e nem são obrigados por suas equipes. O Mid Laner da KaBuM.Orange, Thiago "TinOws" Sartori, afirma que não gosta de caminhar, correr ou ir à academia. "Eu queria fazer um esporte, mas não tem nada perto da gaming house. Academia eu acho chato, então não faço nada".

O Solo Top do Keyd Stars, Whesley "Leko" Holler, é outro que não pratica nenhuma atividade física no momento, principalmente porque acha academia "entediante" e não tem muitas opções à disposição. "Como temos uma rotina de treinos intensa, é difícil achar um esporte que eu goste e no horário que eu esteja livre para fazer", conta o cyber-atleta, que já praticou judô e futebol americano e sabe dos benefícios de mexer o corpo.

Começar a fazer esportes ou outras atividades físicas realmente não é fácil. No começo, podem até ser um fardo, mas se tornam prazerosas, garante o consultor em Psicologia do CNB. "Uma vez que tenha sido seguida por um certo tempo, acaba virando hábito e dando prazer, então a motivação virá de dentro". E a motivação é estar mais preparado do que o adversário para ser campeão. Mentalmente e fisicamente.


Veja também:


Tags: cnb, League of legends, pain gaming, Keyd Stars, intz, kabum orange, atividade fisica