Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Team SoloMid anuncia reforços e completa line-up de LoL

Team SoloMid anuncia reforços e completa line-up de LoL

O time de League of Legends do Team SoloMid (TSM) está completo novamente. Depois do desmanche ao fim do Campeonato Mundial de 2015, a organização anunciou três novos reforços neste sábado (14).

O Solo Top norte-americano Kevin "Hauntzer" Yarnell, o Jungler dinamarquês Dennis "Svenskeren" Johnsen e o Support britânico Raymond "kaSing" Tsang acertaram com o TSM e farão a estreia pela equipe na Intel Extreme Masters San Jose, que acontecerá nos próximos dias 21 e 22, na Califórnia, nos Estados Unidos.

kasing-h2k-gaming-grupos-mundial-2015-riot-games
Britânico kaSing disputou o Mundial pelo H2k e defenderá o TSM em 2016 (Foto: Riot Games)

O TSM começou a ficar desfalcado ainda durante o World Championship. Em Paris, após eliminação precoce na Fase de Grupos, com cinco derrotas em seis partidas, o Solo Top Marcus "Dyrus" Hill anunciou sua aposentadoria do cenário competitivo. Dias depois, o Support Ham "Lustboy" Jang-sik e o Jungler Lucas "Santorin" Tao Kilmer também saíram.

O time ainda contratou o AD Carry Yiliang "Doublelift" Peng, que, em uma mudança que surpreendeu a comunidade internacional, deixou o Counter Logic Gaming (CLG) para acertar com o TSM.

Quem são

Hauntzer ainda é um novato no cenário norte-americano, mas com experiência de estar na elite. Ele começou a jogar competitivamente em novembro de 2013, defendendo o Team LoLPro até setembro do ano passado, quando acertou a ida para o Curse Academy.

Com o time B do Curse, o Solo Top conquistou o acesso para a LCS North America Spring 2015 por meio do Torneio de Expansão - neste ano, o número de participantes da LCS passou de oito para dez. No 1º Split, a equipe - comprada pelo Gravity Gaming - terminou na 5ª/6ª colocação, depois de perder para o Team Impulse por 3 a 1 nas Quartas de Final. No 2º Split o Gravity repetiu o mesmo posicionamento na tabela após ser derrotado pelo TSM por 3 a 1.

"Depois que a LCS North America terminou, eu não estava satisfeito no Gravity, comecei a procurar por outros times e o Reginald [dono do TSM] me contatou. Eu sinto que o TSM é o melhor time em que eu posso estar, especialmente para me provar como jogador" , disse Hauntzer em vídeo divulgado pela organização.

hauntzer-gravity-lcs-north-america-summer-2015-riot-games
Hauntzer disse não estar satisfeito no Gravity e acertou proposta do TSM (Foto: Riot Games)

O Support kaSing tem um currículo um pouco mais extenso, com início em setembro de 2012. Ele passou por equipes como Enemy, Team Dignitas UK, SUPA HOT CREW e Gamers2 antes de entrar para o H2k-Gaming, em fevereiro deste ano. Na LCS Europe Spring 2015, a equipe ficou com a 3ª colocação. Na Semifinal, kaSing e companhia perderam para o fnatic por 3 a 2, mas, na decisão de 3º lugar, bateram o SK Gaming por 3 a 2. Na edição de Verão, o time repetiu a 3ª posição, depois de cair diante do Origen por 3 a 1 na Semifinal e superar o Unicorns of Love por 3 a 0.

Classificado para o Campeonato Mundial pela pontuação conquistada ao longo da temporada, o H2k só venceu dois, dos seis jogos que disputou no Grupo C, o mesmo do SK Telecom T1, da Coreia do Sul, e não avançou para a Fase Eliminatória.

A trajetória de Svenskeren é ainda mais longa. Ele começou a carreira no cenário competitivo em 2011, na primeira temporada. Depois de um tempo afastado dos torneios - de dezembro de 2011 a agosto de 2012 -, o Jungler entrou para o Copenhagen Wolves, equipe pela qual se classificou para a LCS Europe Spring 2013. No Cph, Svenskeren atuou ao lado do Mid Laner Søren "Bjergsen" Bjerg e ainda passou por Ninjas in Pyjamas e SUPA HOT CREW até ser contratado pelo SK Gaming, onde estava desde novembro de 2013.

svenskeren-sk-gaming-lcs-europe-summer-2015-riot-games
Depois de 2 anos defendendo o SK, Svenskeren é o novo Jungler do TSM (Foto: Riot Games)

Com o SK, o cyber-atleta conquistou o vice-campeonato da LCS Europe Spring 2014 e a 3ª colocação da LCS Europe Summer 2014. Nesta temporada, o time teve boas performances e terminou o 1º Split da liga profissional europeia na 4ª posição depois de liderar a Fase de Classificação. No 2º Split, entretanto, a equipe caiu de produção e passou por uma severa crise interna que fez até com que os cyber-atletas cogitassem abandonar a LCS, de acordo com o site Daily Dot.

O SK teve campanha pífia na LCS Europe Summer 2015 e amargou a 9ª colocação, caindo para o Promotion Series para disputar a permanência na elite do cenário europeu. Derrotado pelo Gamers2 na Repescagem, a equipe terá de participar do Challenger Series, a divisão de acesso, no próximo ano.

Polêmica

No ano passado, Svenskeren foi suspenso temporariamente pela Riot Games e não pôde participar das três primeiras partidas do SK no Campeonato Mundial por ter tido atitude racista no servidor de Taiwan. O cyber-atleta desrespeitou jogadores e, para piorar, criou uma conta com o nick “TaipeiChingChong”, termo considerado racista para os asiáticos.

No vídeo de anúncio do TSM, o Jungler comentou seu comportamento "tóxico". "No meu passado, eu cometi muitos erros estúpidos, não quero nunca fazê-los de novo, então entrar para o TSM será uma grande oportunidade para mim. Eu quero realmente mostrar às pessoas que você pode mudar".

Team SoloMid (TSM)

Kevin "Hauntzer" Yarnell (Solo Top)
Dennis "Svenskeren" Johnsen (Jungler)
Søren "Bjergsen" Bjerg (Mid Laner)
Yiliang "Doublelift" Peng (AD Carry)
Raymond "kaSing" Tsang (Support)


Veja também:


Tags: League of legends, team solomid, Svenskeren, kaSing, Hauntzer