Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • INTZ comemora título do CBLoL Pós-Temporada, mas lamenta ausência do paiN

INTZ comemora título do CBLoL Pós-Temporada, mas lamenta ausência do paiN

Ser campeão é sempre bom, ainda mais com o prêmio de R$ 60 mil. Mas, para os cyber-atletas do INTZ, a conquista do CBLoL Pós-Temporada de League of Legends seria mais especial se o paiN Gaming tivesse participado da competição, realizada no estúdio da Riot Games Brasil, em São Paulo.

Tanto o AD Carry Micael "micaO" Rodrigues como o Solo Top Felipe "Yang" Zhao lembraram do atual campeão brasileiro após a vitória sobre a KaBuM.Orange por 3 a 0 na Grande Final, neste domingo (15). O INTZ perdeu a decisão do 2º Split do Campeonato Brasileiro (CBLoL) para o paiN.

"É claro que nós preferíamos disputar a final contra um time do qual perdemos, mas ganhar uma final de qualquer jeito é muito bom e espero que a gente consiga mostrar no ano que vem que podemos ser o melhor time", disse Yang ao MyCNB. "Era um time do qual eu queria ganhar por causa dessa revanche e assim acabar o ano por cima de todos", contou micaO.

O paiN desistiu de participar do torneio por conta de um problema de saúde do Solo Top Matheus "Mylon" Borges. Ele chegou a ficar hospitalizado em razão de um colapso pulmonar.

O CBLoL Pós-Temporada contou com a participação de oito times: INTZ, Keyd Stars, g3nerationX, CNB e-Sports Club, INTZ.Red, KaBuM.Orange, KaBuM.Black e Big Gods. Os participantes se enfrentaram em confrontos md3, em Single Elimination, ou seja, sem Upper e Lower. A Grande Final foi md5.

Sem o paiN na disputa, o INTZ não teve dificuldades para conquistar o título. Depois de passar por Big Gods por 2 a 1 e CNB por 2 a 0, a equipe derrotou a KaBuM.Orange. Foi o segundo título do INTZ em campeonato da Riot na temporada 2015. O INTZ também conquistou do 1º Split do CBLoL 2015.

intz-cblolpos-riotgamesCom vitória no CBLoL Pós-Temporada, INTZ conquistou 2º título no ano (Foto: Riot Games)

Vice

Um vice-campeonato nem sempre é comemorado pelas equipes, mas, neste domingo, o 2º lugar teve um gosto especial para os jogadores da KaBuM.Orange, que não tiveram boas campanhas na temporada e, por duas vezes, disputaram a série de Promoção.

"Eu, particularmente, saí muito satisfeito com esse resultado, até porque, para um time [que veio] do Relegation, qualquer resultado seria bom. Desde que eu voltei do ban, foi a primeira final que eu cheguei e a segunda md5 que joguei, então acho que está só começando e só tem a melhorar", comemorou o Support Pedro "ziriguidun" Ferreira.

O AD Carry Daniel "dans" Nascimento e o Mid Laner Thiago "Tinowns" Sartori também ficaram satisfeitos com o resultado conquistado e acreditam que o time estará bem mais motivado para o próximo ano.

kabum-orange-conversa-cblol-pos-temporada-2015-mycnb
Dando a volta por cima, KaBuM enalteceu a 2ª colocação no torneio (Foto: Riot Games)

Estúdio

Diferentemente das finais dos dois Splits do CBLoL, realizadas em grandes eventos, o último embate, e todo o CBLoL Pós-Temporada, aconteceu no estúdio da Riot Games Brasil, sem a presença de público.

Quando o terceiro e último jogo da série decisiva terminou, o silêncio do estúdio substituiu os gritos de torcedores e fãs que normalmente lotam os eventos da Riot. A maioria dos jogadores disse ter sentido falta dos espectadores.

"Eu prefiro sempre com torcida. É muito melhor jogar com torcida. Jogar no estúdio é bem de boa, mas sem dúvidas eu prefiro muito mais jogar com plateia", opinou dans.

keyd-estudio-cblol-pos-temporada-2015-mycnbCBLoL Pós-Temporada aconteceu no estúdio da Riot Games em São Paulo (Foto: MyCNB)

Dos entrevistados pelo MyCNB, apenas Yang preferiu o estúdio, pois, na opinião dele, os cyber-atletas estão mais acostumados com o ambiente. "Jogar uma final no estúdio assim é bem mais tranquilo, não tem a pressão da plateia e você já está acostumado com o ambiente. Isso ajuda as equipes a jogarem melhor", comentou. 

O CBLoL Pós-Temporada teve a mesma premiação dos dois Splits do CBLoL 2015. Foram R$ 150 mil distribuídos entre os oito participantes. Clique aqui para ver a cobertura completa do campeonato.


Veja também:


Tags: League of legends, pain gaming, yang, micao, kabum orange, cblol pós-temporada