Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Primeiro estrangeiro campeão no Brasil, Dioud anuncia saída do paiN Gaming

Primeiro estrangeiro campeão no Brasil, Dioud anuncia saída do paiN Gaming

O primeiro jogador estrangeiro campeão do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL) está dando adeus ao País. O Support francês Hugo "Dioud" Padioleau anunciou nesta sexta-feira (4) que não defenderá o paiN Gaming na próxima temporada.

De acordo com o cyber-atleta, o contrato dele chegou ao fim, e a organização optou por não renová-lo. "Eu não tenho nenhum ressentimento contra a paiN Gaming por conta dessa decisão. Meu contrato acabou e eles decidiram não renová-lo. É um direito deles e eu não tenho problemas com isso. Merdas acontecem. Vamos seguir em frente agora e eu desejo o melhor para eles no futuro", postou, em português, no Facebook. 

Um minuto depois da postagem de Dioud, o paiN utilizou a mesma rede social para anunciar, em um pequeno texto, a saída do Support. "Agradecemos imensamente ao Dioud por todo o trabalho, o empenho, os esforços colocados na nossa equipe, por ser essa pessoa tão agradável e bem humorada, além do seu profissionalismo durante todo esse tempo. A campanha dele ficará marcada para sempre na história do time", publicou a organização.

dioud-pain-gaming-final-2plit-riotgamesSupport francês anunciou fim do contrato com o paiN Gaming (Foto: Riot Games)

O Support agradeceu ao paiN pela oportunidade e se mostrou muito feliz com a experiência vivida em solo brasileiro. "Eu tenho tantas coisas para falar sobre essa aventura incrível que eu tive aqui no Brasil, mas não existem palavras suficientes para me expressar. Desde o dia 10 de janeiro até o momento em que estou redigindo este texto, tudo foi perfeito. Eu me apaixonei por uma organização, por um time, por uma comunidade e por um país", escreveu Dioud.

O cyber-atleta finalizou a publicação dizendo que está aberto a propostas, inclusive do Brasil. O prazo para que as organizações do CBLoL definam as lines para o próximo ano e as apresentem para a Riot Games Brasil é esta sexta-feira.

Leia também: Keyd Stars confirma contratações de Robo, Turtle e Baiano para 2016 (clique aqui)
Leia também: KaBuM anuncia dispensa do time Black e negocia com compradores (clique aqui)
Leia também: Com Matsukaze e Danagorn, KaBuM anuncia line-up para 2016 (clique aqui) 

Trajetória

O francês entrou no paiN Gaming em janeiro deste ano, em meio a muito suspense criado pela organização sobre o anúncio do Support. Na época, o MyCNB noticiou em primeira mão a contratação de Dioud para ocupar o lugar do carismático sul-coreano Kim "Olleh" Joo-sung, que teve problemas com o visto e precisou voltar para a Coreia do Sul.

Com seu jeito quieto e tranquilo, Dioud chegou ao País sob desconfiança da comunidade brasileira. No 1º Split do CBLoL, Dioud fez boas atuações, mas não foram suficientes para levar o paiN às primeiras colocações. A equipe terminou a Fase de Classificação em 4º lugar, passou pelo Dexterity por 2 a 0 nas Quartas de Final, mas caiu diante do até então imbatível INTZ por 3 a 0 na Semifinal. Com isso, teve de assistir à Grande Final, em Florianópolis, da plateia.

Foi no 2º Split que Dioud mostrou todo seu potencial. O time não fez uma primeira fase tão brilhante, terminando em 3º lugar, mas, na etapa decisiva, cresceu muito de produção. Depois de vencerem o INTZ.Red por 2 a 0 nas Quartas de Final, Dioud e companhia surpreenderam e eliminaram o Keyd Stars na Semifinal por inesperados 3 a 0.

O adversário na Grande Final foi o INTZ, que vinha embalado após o título do 1º Split e a boa campanha na segunda etapa. Antes do confronto que valia o título, os intrépidos fizeram um bootcamp nos Estados Unidos para se preparem para a decisão. Mas, não adiantou muito.

Treinando no Brasil, o paiN Gaming chegou ao estádio Allianz Parque, em São Paulo, como uma incógnita: será que a equipe conseguiu se preparar em solo nacional, já que, na ocasião, poucos times estavam em atividade? A resposta veio na série md5.

Mais de 12 mil pessoas, a maioria torcendo para o paiN Gaming, assistiram à um verdadeiro show em Summoner's Rift. Com uma apresentação perfeita, Dioud e os companheiros venceram por 3 a 0 e levantaram o troféu de campeão. O francês foi o primeiro estrangeiro a conquistar o CBLoL.

pain-gaming-final-2split-campeao-riotpaiN Gaming conquistou o título do 2º Split do CBLoL 2015 (Foto: Riot Games)

Com o título brasileiro, o paiN Gaming passeou no International Wildcard, cuja final ocorreu no Chile, e conquistou a tão sonhava vaga no Campeonato Mundial, que teve o SK Telecom T1, da Coreia do Sul, como campeão. Dioud teve a oportunidade de jogar a Fase de Grupos em casa e contou com o apoio da torcida francesa.

A equipe brasileira não passou para a Fase Eliminatória, mas superou a campanha da KaBuM no World Championship do ano passado. O paiN Gaming deixou o Mundial com um duas vitórias, uma a mais que a KaBuM. Clique aqui para ver a cobertura completa do Campeonato Mundial 2015.

paiN Gaming

Matheus "Mylon" Borges (Solo Top)
Thúlio "sirT" Carlos (Jungler)
Gabriel "Kami" Santos (Mid Laner)
Felipe "brTT" Gonçalves (AD Carry)


Veja também:


Tags: League of legends, pain gaming, dioud