Siga o MyCNB  


  • Menu
  • Notícias
  • Por divergências com direção, peacemaker deixa o Liquid de CS

Por divergências com direção, peacemaker deixa o Liquid de CS

O treinador brasileiro Luis "peacemaker" Tadeu não faz mais parte da equipe de Counter-Strike Global Offensive do Team Liquid. Ele saiu por divergências de filosofia com a organização, de acordo com os anúncios das duas partes nas redes sociais neste sábado (22).

O Liquid escreveu, em seu comunicado, que, apesar do sucesso em campeonatos, enfrentou "muitos desafios". "Tivemos diferenças fundamentais de filosofia nos princípios de fazer negócio, ao ponto de sentirmos que a relação não funcionaria mais". Nas palavras de peacemaker, houve "desacordos sobre alguns princípios de negócios". Ele disse que a divergência era com a direção e não com os cyber-atletas.

peacemaker-sozinho-liquid-esl-one-cologne-2016-hltv-org
Peacemaker deixou o comando do time de CS:GO do Team Liquid (Foto: HLTV.org)

O técnico, que se destacou no Tempo Storm (hoje Immortals), estava na organização dos Estados Unidos desde maio deste ano, comandando uma equipe norte-americana que tem Spencer "Hiko" Martin como principal estrela. "Muitas pessoas duvidaram do meu potencial como coach e eu também não sabia o que esperar quando entrei na equipe. Foi um momento de transição difícil para mim, especialmente por conta da barreira da língua, mas os jogadores e a direção fizeram com que eu me sentisse muito confortável e de uma maneira que toda aquela incerteza desaparecesse. Com o suporte e trabalho de todos, com certeza esta se tornou a melhor equipe com que já trabalhei".

Nos cinco meses em que comandou o Liquid, peacemaker conquistou a 2ª colocação da ESL One Cologne 2016, perdendo para o SK Gaming, do Brasil, e o 3º/4º lugar da ESL One New York. Em outras competições, teve campanhas modestas. "Para mim, não importa se não conseguimos conquistar títulos. Levando em consideração todas as mudanças de line-up e todas as barreiras que tivemos que superar, no final considero todos nós uma equipe vencedora", defendeu peacemaker.

Apesar de ter ficado na 7ª posição da Fase de Classificação da 4ª temporada da ESL Pro League, o Team Liquid virá para as finais em São Paulo, por conta da desistência do Renegades, da Austrália. Conforme a organização, o manager Steve "Joka" Perino atuará como técnico interino do time. "Nos últimos meses, Joka deu suporte à equipe, mentalmente e estrategicamente, porque vinha trabalhando como treinador assistente desde que entrou na equipe. Depois disso, vamos avaliar nossas opções e decidir o que for melhor para o time", informou o Liquid, abrindo um processo seletivo para encontrar o novo coach.

Já peacemaker não deu detalhes do seu futuro, mas confirmou que continuará no cenário competitivo. "Estou mais motivado do que nunca para continuar treinando outra equipe em um futuro breve".

Team Liquid

Nicholas "nitr0" Cannella
Jonathan "EliGE" Jablonowski
Spencer "Hiko" Martin
Josh "jdm64" Marzano
Jacob "Pimp" Winneche


Veja também:


Tags: csgo, team liquid, Counter-Strike Global Offensive, peacemaker