Siga o MyCNB  


  • Menu
  • Notícias
  • Big Gods compra vaga na seletiva para o Challenger Series NA

Big Gods compra vaga na seletiva para o Challenger Series NA

O Big Gods poderá competir no exterior no League of Legends em 2017. Criada no início do ano passado, a organização comprou a vaga do Eanix na classificatória para o Challenger Series North America, a 2ª divisão do cenário competitivo da América do Norte.

Será a primeira vez na história que um clube brasileiro participará de uma liga oficial da modalidade em outro país.

Neste ano, o Big Gods caiu para o Circuito Desafiante, depois de amargar a 8ª colocação do 2º Split do Campeonato Brasileiro (CBLoL) 2016 ao perder o confronto de rebaixamento para o RED Canids. O time havia subido para a elite após ter vencido o 1º Split do Circuito Desafiante, mas começou a competição decisiva da temporada com 16 pontos negativos, já que a organização não mandou os nomes dos cyber-atletas e do treinador a serem inscritos dentro do prazo estabelecido pela Riot Games Brasil.

Com uma vitória, três empates e três derrotas, a equipe terminou a Fase de Classificação do 2º Split do CBLoL com 10 pontos negativos e disputou a permanência na 1ª divisão contra o RED, em confronto em que acabou derrotado por 2 a 0.

Conforme apurou o MyCNB, o Big Gods não tem o elenco fechado e ainda está buscando jogadores estrangeiros para montar a line-up. Pelo regulamento da competição, a equipe pode ter, no máximo, dois não residentes na América do Norte. Ex-Keyd Stars e morando atualmente nos Estados Unidos, Ednilson "Jukaah" Vargas será o treinador do time.

O Big Gods terá de passar pela classificatória porque o Eanix, antigo dono da vaga, ficou na última colocação da Fase de Classificação do Challenger Series Summer 2016, com derrotas nas cinco partidas que disputou.

Histórico

O Big Gods nasceu em janeiro de 2015, a partir de uma parceria com a Lenovo, multinacional chinesa de tecnologia. Na primeira line-up de League of Legends estavam o Mid Laner Gustavo "Minerva" Queiroz (hoje Jungler), o Support Leonardo "Alocs" Belo e o AD Carry Gustavo "Sacyr" Rossi, além de dois sul-coreanos.

Com problemas internos de relacionamento entre os jogadores, o time se desfez em três meses. Em maio de 2015, o Big Gods anunciou nova formação, com a base que defenderia a organização dali para a frente. Porém, nos meses seguintes, a equipe fez alterações na line-up.

Em dezembro último, o Big Gods passou pela seletiva para o Circuito Desafiante e conquistou o acesso para a 2ª divisão. Vencedor do 1º Split do torneio, o time subiu para o CBLoL, mas acabou rebaixado logo no Split de estreia. Depois, os jogadores foram dispensados para negociarem com outras equipes.


Veja também:


Tags: League of legends, challenger series, Big Gods, challenger series spring 2017, eanix