Siga o MyCNB  


  • Menu
  • Notícias
  • Há 1 ano, Luminosity conquistava 1º major de CS:GO para o Brasil

Há 1 ano, Luminosity conquistava 1º major de CS:GO para o Brasil

Há exato um ano, Gabriel "FalleN" Toledo e companhia cravaram o nome do Brasil na história do Counter-Strike Global Offensive. Defendendo o Luminosity Gaming, os brasileiros conquistaram o título do MLG Columbus, o primeiro major da temporada 2016.

Diante do Natus Vincere, da Ucrânia/Rússia, carrasco do time do Brasil, FalleN, Marcelo "coldzera" David, Fernando "fer" Alvarenga, Epitácio "TACO" Pessoa e Lincoln "fnx" Lau (que agora atua pelo Immortals), surpreenderam o mundo e venceram por 2 a 0 na decisão.

Com o título, a equipe faturou US$ 500 mil. Foi a primeira grande conquista do País na era Global Offensive. O último título internacional do Brasil havia sido dez anos antes, com o Made in Brazil (mibr) triunfando na Electronic Sports World Cup (ESWC) 2006, ainda no CS 1.6.

luminosity-campeao-mlgcolumbus-hltvHá um ano, brasileiros levantavam o primeiro troféu de major no CS:GO (Foto: HLTV.org)

Campanha

Para chegar à Grande Final, os brasileiros passaram invictos pelo Grupo A, com vitórias sobre o mousesports, da Alemanha, por 16 a 13 na de_mirage, e o Ninjas in Pyjamas (NiP), da Suécia, por 16 a 5, também na mirage.

Nas Quartas de Final, confronto muito difícil contra o Virtus.pro, da Polônia. Depois de sair atrás no placar, o Luminosity buscou a virada e seguiu adiante na competição (17 a 19 na de_cache, 16 a 10 na de_cobblestone e 16 a 11 na de_overpass).

Na Semifinal, FalleN e companhia enfrentaram o Team Liquid, dos Estados Unidos. Muitos esperavam um embate mais fácil, mas os brasileiros tiveram dificuldades. Vitória por 2 a 0, com overtimes nos dois mapas (19 a 15 na de_mirage e 19 a 16 na de_cache). Na decisão, o Luminosity superou o Na'Vi por 2 a 0: 19 a 17 na de_mirage e 16 a 2 na de_overpass.

Clique aqui para ver a cobertura completa do MLG Columbus 2016


Segundo título

No mesmo ano, o quinteto brasileiro voltou a brilhar e conquistou o segundo título de major seguido. Já atuando pelo SK Gaming, a equipe levantou o troféu da ESL One Cologne 2016, na Alemanha, e faturou US$ 500 mil.


Veja também:


Tags: csgo, sk gaming, fallen, fnx, fer, Counter-Strike Global Offensive, esl one cologne, luminosity gaming, taco, mlg columbus 2016, coldzera