Siga o MyCNB  


  • Menu
  • Notícias
  • YoDa cita tradução tendenciosa de tuíte e volta a pedir desculpas

YoDa cita tradução tendenciosa de tuíte e volta a pedir desculpas

Em vídeo divulgado já na madrugada desta sexta-feira (28), o Mid Laner do RED Canids Felipe "YoDa" Noronha se pronunciou sobre a punição recebida da Riot Games em razão de seu comentário sobre os japoneses do Rampage, às vésperas do início do Mid-Season Invitational (MSI) 2017 de League of Legends. Ele foi suspenso de três partidas da competição e ainda terá de pagar multa de US$ 2 mil.

Ele disse que o tuíte não teve "tendência xenofóbica e muito menos racista" e argumentou que o usuário brasileiro que publicou sobre o assunto no fórum internacional Reddit traduziu a mensagem "de uma maneira tendenciosa, uma coisa ruim, uma coisa racista". "Tem muita gente lá fora achando uma coisa que eu não sou. Peço desculpas por isso".

"Você não precisa me conhecer para saber que aquele tuíte não teve tendência xenofóbica, muito menos racista. Para quem me conhece, sabe que eu não sou assim, não gosto disso", disse YoDa (veja o vídeo completo abaixo). "Sobre a punição da Riot, eu posso concordar ou não com as regras deles, mas uma coisa é fato: eu realmente burlei a regra, então eu acho justa a punição. Eu peço desculpas por isso".

Ele também pediu desculpas a quem entendeu o tuíte de maneira errada, pois, segundo sua versão, a ideia era "fazer uma brincadeira".

YoDa até divulgou parte de uma entrevista para a Riot Games do Japão, realizada dois dias antes da publicação do tuíte, em que o jogador faz elogios ao país. "É meu sonho ir para o Japão. Desde que eu era criança, eu gosto muito da cultura japonesa. É algo que eu respeito muito. São muito tradicionais e isso é muito legal".

yoda-red-canids-punicao-tweet-riot-games
YoDa fez comentário sobre japoneses e acabo suspenso de jogos do MSI (Foto: Riot Games)

O cyber-atleta, inscrito como primeiro reserva no MSI e, portanto, apto a atuar em mudanças estratégicas, tuitou que havia passado gritando "flango" em frente aos quartos dos jogadores japoneses, os quais chamou de "japorongas". 

O comentário chegou ao conhecimento da comunidade internacional por meio do fórum Reddit e provocou polêmica, já que muitos usuários viram conteúdo racista na mensagem por conta da "piada" com o jeito de falar dos japoneses e com o termo "japoronga", classificado como pejorativo.

yoda-mensagem-japoneses

Para a Riot, conforme o comunicado sobre a suspensão, YoDa fez um comentário com "linguagem racial ofensiva".  "Nós esperamos que jogadores profissionais mantenham bom comportamento dentro e fora do jogo, e temos tolerância zero com este tipo de linguagem racial depreciativa. Embora YoDa não tenha histórico de comportamento tóxico ou outra infração disciplinar, pro-players devem demonstrar respeito por outros jogadores e suas culturas, e essas ações claramente violaram esse princípio".

Por conta da punição aplicada pela Riot, YoDa não poderá ser utilizado nos três primeiros compromissos do RED no MSI, todos nesta sexta-feira: Dire Wolves, da Austrália, às 15 horas (horário de Brasília), Rampage, do Japão, às 17 horas, e SuperMassive, da Turquia, às 20 horas.

Confira o vídeo completo de YoDa:


Veja também:


Tags: League of legends, riot games, yoda