Siga o MyCNB  


  • Menu
  • Notícias
  • Fiasco do Saigon Jokers levou à formação do Marines, diz treinador

Fiasco do Saigon Jokers levou à formação do Marines, diz treinador

O péssimo desempenho do Saigon Jokers no International Wildcard Qualifier (IWCQ) 2016 fez os cyber-atletas do Marines Esports formarem a atual line-up da equipe, de acordo com o técnico Dương "Tinikun" Thanh. O time vietnamita dominou o Grupo B da Fase de Entrada do Mid-Season Invitational (MSI) 2017 de League of Legends e avançou para a 2ª Rodada.

A campanha de cinco vitórias em seis partidas era inesperada por comunidade e especialistas, principalmente porque, no último encontro entre os cenários emergentes, o representante da GPL decepcionou. Na Fase de Classificação do último Wildcard, disputada em São Paulo, o Saigon Jokers perdeu todos os sete jogos que disputou.

No Grupo B da Fase de Entrada do MSI, Virtus.pro (Comunidade dos Estados Independentes) e Lyon Gaming (México) eram considerados os favoritos a avançar. Só os 1º colocados de cada uma das duas chaves se classificavam para a 2ª Rodada, na qual já estavam Team SoloMid (TSM), da América do Norte, e Flash Wolves, de Taiwan. O Marines teve muita facilidade e fez uma campanha quase perfeita, perdendo apenas para o Virtus na penúltima partida do 2º turno, quando a classificação já estava definida.

"Não nos importamos se foi difícil ou não, todos os jogadores da minha equipe acreditam que fizemos o nosso trabalho", disse o treinador Tinikun em entrevista coletiva à imprensa, nessa segunda-feira (1º).

marines-esports-dia2-msi-2017-riot-games
Marines Esports liderou Grupo B da Fase de Entrada do MSI 2017 (Foto: Riot Games)

Segundo o coach, o resultado conquistado pelo Marines é muito expressivo, porque o cenário no Vietnã ainda não é tão desenvolvido como em outros locais. "Nós não temos muitos patrocinadores e coisas assim e todos os jogadores ganham salários baixos, mas nós treinamos quase oito horas por dia, todos os dias, inclusive aos sábados e domingos. Então, vir para cá e conseguir algumas vitórias é muito bom para todos, porque mostramos que, se investirem mais em nós, pode-se melhorar ainda mais".

Os desejos de "mostrar serviço" e representar bem o cenário vietnamita levaram à atual composição do Marines. "Quando o Saigon Jokers perdeu [no último classificatório para o Mundial], alguns dos meus jogadores pensavam que, se quisessem vencer, deveriam entrar para o Saigon Jokers. Mas eu e outros membros da equipe dissemos: 'ainda que não tenhamos boas condições, se nós dermos o nosso melhor e nos esforçarmos, nós seremos uma equipe melhor do que o Saigon Jokers'. Nós somos de um país com 90 milhões de habitantes e o número de pessoas que joga League of Legends no Vietnã é muito grande. Se não tentássemos fazer algo pelo país, seria muito ruim".

tinikun-treinador-marines-msi2017-mycnb
Técnico do Marines, Tinikun, falou com a imprensa após o 4º dia de MSI (Foto: MyCNB)

Nesta quarta-feira (3), o Marines irá enfrentar o TSM na 2ª Rodada da Fase de Entrada. O vencedor do confronto md5 se classificará para a Fase de Grupos, no Rio de Janeiro, na qual já estão garantidos SK Telecom T1, da Coreia do Sul, Team World Elite, da China, e G2 Esports, da Europa. 

Antes de o sorteio dos confrontos da 2ª Rodada acontecer, no fim da noite dessa segunda-feira, o técnico da equipe do Vietnã disse que gostaria de enfrentar o Flash Wolves, por considerá-lo melhor do que os norte-americanos. De qualquer forma, Tinikun espera contar com o apoio da torcida brasileira, pelo fato de o Marines "representar uma região do Wildcard". "Nós nunca encontramos uma torcida tão empolgada. Eles gritam por todo mundo, a cada luta e a cada reviravolta. Eles são realmente maravilhosos".

Caso perca o duelo para o TSM e o SuperMassive seja derrotado pelo Flash Wolves, o Marines enfrentará os turcos na definição da terceira vaga para a Fase de Grupos. Apesar de ter apresentado melhores performances do que o time da Turquia, o representante do Vietnã não é favorito para esse eventual duelo, de acordo com o treinador. "Nós treinamos com eles no primeiro dia que chegamos aqui e nós perdemos mais do que vencemos. Mas, se nos encontrarmos de novo, eu acho que [as chances de vitória] serão 50/50".


Veja também:


Tags: League of legends, msi 2017, marines esports, tinikun