Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Com mibr, Noah quer mostrar “a diferença entre ganhar e ser campeão”

Com mibr, Noah quer mostrar “a diferença entre ganhar e ser campeão”

No último sábado (23), ocorreu o evento do anúncio da line-up que representará o Made in Brazil em sua volta ao cenário competitivo, após cerca de sete ano de paralisação. O MyCNB conversou com o CEO do Immortals, Noah Whinston, sobre não somente a volta da tag, mas também os planos da organização ao longo prazo.


Noah Whinston tem grandes planos para o cenário brasileiro: (Foto: Divulgação\ Twitter)

Não somente “representar bem o Brasil em palco internacional”, os outros objetivos também passam pelo lado de fora do jogo: “Nós queremos lembrar as pessoas que os melhores jogadores do mundo, e também os melhores amigos do mundo, vem deste país. E para fazermos isso, precisamos de um time que não só vença campeonatos, mas também que jogue corretamente, que exemplifique profissionalismo e maturidade, que são saudáveis dentro e fora do ambiente de jogo, além de mostrar respeito pela comunidade. É muito mais do que levantar o troféu no fim, é a diferença entre ganhar e ser campeão.”

Algo que acontece, não unicamente no cenário de Counter-Strike, mas possivelmente em todos os eSports, é o fato de que uma equipe só irá desempenhar bem e atingir bons resultados em níveis mundiais, caso jogue constantemente com várias equipes internacionais. Sobre isso, Winston também comentou, já declarando que quer mudar este cenário: “Nós pretendemos mudar isso, absolutamente. Nós vemos jogos como Rainbow Six, aqui no Brasil onde os melhores times são daqui, porque os melhores times ficam aqui. Assim que você consegue times bons e suficientes no Brasil, faz sentido que eles queiram permanecer aqui. Mas para que isso aconteça, precisamos criar um programa de desenvolvimento, precisamos desenvolver os melhores talentos aqui para que os melhores times do mundo queiram vir para o Brasil. Isso não é um processo certo, não vai acontecer hoje e nem daqui seis meses, mas estamos tomando todas as medidas para isso.”

Quando questionado sobre que “etapas” seriam essas, o CEO desconversou soltando a famosa frase em português: “Novidades em breve”.

Ainda é um mistério para saber o que Noah Whinston reserva para o cenário de Counter-Strike: Global Offensive no Brasil, mas as expectativas não deixam de ser altas, após um evento deste tipo.

O MiBR fará sua estréia oficial no ESL One Cologne, a partir de 3 de julho.


Veja também:


Tags: csgo, immortals, mibr, noah whiston