Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • KaBuM! x Flamengo: A melhor Final que o Brasil poderia ter

KaBuM! x Flamengo: A melhor Final que o Brasil poderia ter

Amanhã, a partir do meio dia, KaBuM! e-Sports e Flamengo e-Sports irão decidir o título do 2º Split do Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLoL), e o vencedor também carimba o passaporte para a Coreia do Sul, para representar o Brasil no Mundial. E por que essa partida, a disputa entre especificamente estes dois times, é boa para o cenário brasileiro?


Titan e brTT farão o duleo dos melhores AD Carrys do CBLoL (Foto: Riot Games)

Vamos começar com o “veterano” KaBuM!, que chega a sua segunda final consecutiva e atual defensor do título. Somente uma vez, em 2016, o Brasil chegou perto de mandar a mesma equipe para dois grandes torneios internacionais grandes. Na época, o INTZ foi campeão dos dois splits, mas no primeiro semestre ficou pelo caminho no International Wildcard Invitational (IWCI), que dava vaga no Mid-Season (MSI), e no segundo semestre, a vitória por 3x2 em cima da Dark Passage os levou ao Mundial, nos Estados Unidos.


KaBuM! teve quatro vitórias e duas derrotas no MSI 2018 (Foto: Riot Games)

O KaBuM! vem de uma campanha razoável na Fase de Entrada do MSI 2018, e chega para esta final de CBLoL com a recente experiência internacional em seu currículo. Como se não bastasse, a equipe possui a mesma line-up que foi à Alemanha e somente trocou o treinador: saiu Jean-François “Nuddle” Caron e entrou Lee “Hiro” Woo Seok.


Hiro chegou ao Brasil para subistituir Nuddle e levou o KaBuM! à Final (Foto: Riot Games)

OBS: Também é possível esperar um apoio maior da torcida coreana, em caso de vitória dos alaranjados, por conta do treinador estar em casa durante o Mundial.

Em suma: O KaBuM! seria o primeiro brasileiro a ir em dois grandes torneios fora do Brasil no mesmo ano, mais amadurecidos com possíveis dois títulos de CBLoL, experiência internacional e um treinador sul-coreano.

Flamengo e-Sports

Já o Flamengo vai por outro caminho: a experiência dos jogadores, estrutura fornecida por um dos maiores clubes de futebol do Brasil, quiçá do mundo e apoio de uma das maiores torcidas do planeta.

Se formos analisar os jogadores um por um, comecemos com o AD Carry Felipe “brTT” Gonçalves, em caso de título em Porto Alegre, será o jogador mais vitorioso do cenário, além de já ter tido uma passagem por torneios internacionais no passado, além de uma participação no Mundial de 2015, quando atuava pelo paiN Gaming. Ele seria, inclusive, o primeiro e único jogador brasileiro a ter participado de duas edições do Mundial.


brTT é o jogador mais experiente e um dos destaques do Flamengo neste CBLoL (Foto: Riot Games)

Da mesma forma que a presença de Hiro pode ser benéfica para o KaBuM!, pode ser bom para os Rubros-Negros, já que a equipe conta com dois jogadores sul-coreanos: Park "Jisu" Jin-cheol e Lee "Shrimp" Byeong-hoon. O Top Laner já está habituado ao Brasil, já que atua pela equipe carioca desde o começo do ano, no Circuito Desafiante. Sua experiência passa por diversas equipes, como Misfits e Misterious Monkeys, da LCS EU, além do Ascension Gaming, da GPL. Já o Jungler, apesar de ser o último a chegar, também teve passagens por outros países, nas equipes do Team Dignitas e FlyQuest, do NA, além do Detonation FM do Japão.

Assim, os jogadores mais “inexperientes” do Flamengo seriam Bruno "Goku" Miyaguchi e André “esA” Pavezi. As aspas são justificadas pois o Mid Laner atua profissionalmente no Brasil desde 2014, quando entrou no KaBuM! Black. E o Support, outrora AD Carry, atua desde 2013 e chegou a duas Finais de CBLoL, do 1º split de 2016 e 1º Split de 2017. Além disso, ambos são considerados um dos melhores em suas posições atualmente.


Jisu e Shrimp demonstraram grande entrosamento durante o 2º split do CBLoL (Foto: Riot Games)

Outro elemento positivo trazido pelos flamenguistas seria, não só o primeiro título conquistado por um Clube de Futebol no League of Legends, mas também a primeira participação do mesmo em um Mundial da categoria. A conquista histórica é imensa, para um time que está conquistado a grandes marcas.

Por essas, e outras razões, acredito que o cenário brasileiro não sairá de jeito nenhum perdedor após a Final de amanhã. Quem vencer terá motivos de sobra para almejar e totais possibilidades de conquistar uma boa campanha no Mundial.

A Grande Final do CBLoL começa a partir do meio dia, deste sábado (8) no Auditório Araújo Vianna, em Porto Alegre.


Veja também:


Tags: League of legends, kabum, cblol 2018, flamengo e-sports, Mundial 2018, final cblol 2ºsplit 2018