Siga o MyCNB  
  • Menu
  • Notícias
  • Invictus Gaming domina o Fnatic e conquista título do Mundial de LoL

Invictus Gaming domina o Fnatic e conquista título do Mundial de LoL

Pela primeira vez na história, um time chinês triunfou no Campeonato Mundial de League of Legends. Na manhã deste sábado (3), em Incheon, na Coreia do Sul, o Invictus Gaming atropelou o Fnatic, da Europa, e conquistou o título da edição 2018 do maior campeonato da modalidade.

Com o Jungler Gao "Ning" Zhen-Ning em dia inspirado, o time chinês não deu chances aos europeus e venceu por 3 a 0. Foram três jogos sob controle, com domínio chinês do início ao fim.

invictus-worlds2018-campeao-riot1Invictus Gaming conquistou o primeiro título chinês do Mundial (Foto: Riot Games)

A grande final teve vários motivos para ser uma das mais aguardadas de todos os tempos. Depois de anos tendo equipes sul-coreanas dominando, esta decisão foi protagonizada por dois times que começaram a competição sem nenhum favoritismo. Campeão em 2011, o Fnatic vinha para o bicampeonato, carrengando o peso de representar o Ocidente. Do outro lado, o Invictus, que via os holofotes e as esperanças chinesas do primeiro título sendo depositadas no Royal Never Give Up (RNG), que chegou como principal favorito ao título, porém, caiu diante do G2 Esports (Europa), nas quartas de final.

As campanhas

O Invictus Gaming começou a competição no Grupo D, ao lado do próprio Fnatic, do 100 Thieves (América do Norte) e do G-Rex (Hong Kong).

Invictus e Fnatic começaram o embate já na fase de grupos, com o time europeu levando a melhor no confronto da chave e também no desempate. Ambos terminaram a etapa com cinco vitórias e uma derrota, mas a equipe da Europa garantiu o 1º lugar.

Nas quartas, confronto acirrado contra o KT Rolster (Coreia do Sul), que era forte candidato ao título. A série terminou com 3 a 2 para os chineses, que avançaram e derrotaram o G2 por 3 a 0 nas semifinais.

Já o Fnatic, eliminou o também chinês Edward Gaming (EDG) por 3 a 1 nas quartas e passou pelo Cloud9 (América do Norte) nas semis por 3 a 0.


Veja também:


Tags: Invictus Gaming, worlds2018